Sedentarismo: 1,8 bilhão de pessoas estão com a saúde em risco no mundo

Jul 5, 2024

O percentual de adultos que não fazem atividade física aumentou entre 2010 e 2022, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Esta tendência é preocupante, pois representa quase um terço (31%) da população mundial, que não atingem os níveis mínimos recomendados de exercícios no dia a dia.
Os indicadores foram divulgados em um estudo realizado por pesquisadores da OMS e publicado na revista acadêmica Lancet Global Health, considerando dados de 2022. E as projeções são alarmantes: se a tendência continuar, estima-se que os níveis de falta de atividade física cheguem a um número recorde, alcançando 35% até 2030.

O sedentarismo está associado ao maior risco de doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, colesterol alto e alguns tipos de câncer. O recomendado pela OMS, é que os adultos façam, por semana, 150 minutos de atividade física de frequência moderada, como caminhada e alongamento, ou 75 minutos de exercícios de intensidade maior, como a corrida.
A prevenção é o melhor caminho para uma vida saudável e com longevidade.

fonte: Veja Saúde

FAÇA SUA COTAÇÃO
Planos de saúde exclusivos para servidor público. Preencha o formulário abaixo e um de nossos consultores entrará em contato em breve com sua cotação.